domingo, 13 de junho de 2010

Quem ama é perdoado. Quem ama segue o amor oferecido..


Tanto que esperou pudesse um dia
chegar bem perto, dizendo tudo!
Se não conseguiu como queria,
o seu silêncio não ficou mudo.
Ela muito amou, tem a minha paz;
Vai seguir caminho sem temor!
Sabe quem eu sou, e será capaz
De espalhar na terra o meu amor!
Ela ultrapassou toda medida,
não lhe bastando meros preceitos.
Lágrimas, perfume - que acolhida!
Nem se importando com preconceitos.
Se ninguém ousou dizer bem claro
o que pensava daquele gesto,
Ele revelou como era raro
esse carinho tão manifesto.
Ele é sempre mais que um convidado,
se põe à mesa, nutrindo a vida;
Olha os corações e põe de lado
toda aparência, cura a ferida!

Nenhum comentário:

Postar um comentário